sexta-feira, 27 de julho de 2012

Ate poderia ser uma carta....

São cerca as 12.35. Estou basicamente sozinha. Sim, estou agarrada a um livro, a ouvir música...Não falo com ninguém simplesmente observo o mundo que me rodeia. Estou "zangada" com tudo e com todos, nada me parece perfeito nem um pouco...Com algumas passagens do livro ou com algumas "cenas" que vejo, imagino como poderíamos ser, se tu quisesses, como tudo poderia ser tão perfeito.
Sim, continuo escrevendo dirigindo-me a ti como se fosses ler, alguma vez...sinto-me melhor, faz-me bem...é quase como se tu me conseguisses ler os pensamentos, absorvesses as forças, e mesmo sem saberes o porque te sentisses um pouco melhor, mais forte!...
Isto até poderia ser uma carta, terminada com
Beijos

P.s.: "I love you!"

CarolinaAlmeida.

4 comentários:

  1. aquela publicação que comentas-te já foi há quatro meses atrás... as coisas complicaram-se e deixamos-nos de falar, assim ela preferiu, mas depois decidiu-me dar de volta a oportunidade, mas as coisas não estão nada fáceis S: pelo menos ainda tenho a amizade nela.
    passas-te pelo menos que eu? lamento, isto é mesmo uma situação chata :c

    ResponderEliminar
  2. se quiseres, podes contar, estou disposta a ouvir-te :)
    é muito difícil falar com ela, mesmo complicado s:

    ResponderEliminar
  3. escreves tão bem *-*
    Sigo, http://pseuamote-concha.blogspot.pt/

    ResponderEliminar
  4. Muito obrigada Concha, estou a seguir de volta :)

    ResponderEliminar

Todos os comentários e opiniões são bem vindos! :)